Depois de festejar o anúncio do Rio como cidade-sede das Olimpíadas de 2016, Lula, o palanque ambulante prometeu brigar pela Olimpíada de Inverno

Terminado o discurso de Carlos Nuzman em Copenhague, Lula explicou por que havia chorado convulsivamente durante o palavrório do presidente do COB: “É o dia mais feliz da minha vida”, declarou o palanque ambulante estacionado na Dinamarca para festejar a escolha do Rio como anfitrião da Olimpíada de 2016.

Antes de avisar a Marisa Letícia, por telefone, que a compra de votos havia funcionado, chorou de novo, elogiou o companheiro Nuzman, fez o sinal da Cruz, louvou a competência do companheiro Sérgio Cabral, cantou um trecho de Cidade Maravilhosa, enrolou-se na bandeira brasileira e fez mais uma promessa: “Depois de 2016, vamos brigar pela Olimpíada de Inverno”.

Para sorte dos pagadores de impostos, a Lava Jato chegou primeiro. (Augusto Nunes)

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta